Notícias

Em live, presidente do Cruzeiro anuncia pagamento da dívida na Fifa por Willian

Por Redação, 28/05/2020 às 17:25
atualizado em: 29/05/2020 às 08:08

Texto:

Foto: Washington Alves/Vipcomm
Washington Alves/Vipcomm

A diretoria do Cruzeiro e o torcedor celeste respiram mais aliviados. Em uma live nesta quinta-feira, o presidente Sérgio Santos Rodrigues anunciou o pagamento da dívida de com o FC Zorya, da Ucrânia, pela compra do atacante Willian ‘Bigode’, em 2014. De acordo com o repórter Samuel Venâncio, da Itatiaia, o débito de aproximadamente R$ 10 milhões foi quitado parcialmente.

Ou seja, o Cruzeiro pagou 600 mil euros nesta quinta-feira. O clube confirmou o valor em reais: R$ 3.869.228,61. O outro processo dos ucranianos envolvendo a compra de Willian está avaliado em 975 mil euros (mais encargos) - cerca de R$ 5,8 milhões - e ainda segue em julgamento na Corte Arbitral do Esporte (CAS).

Na mesma live, Sérgio Santos Rodrigues também anunciou que quitou um mês de salários dos jogadores e funcionários. Agora resta apenas a folha de abril em aberto para os atletas, enquanto para os colaboradores está em dia. Vale ressaltar que os vencimentos de maio vencem no fim da próxima semana.

Sérgio Santos Rodrigues afirmou que o dinheiro foi levantado por meio de uma parceria do clube com o Supermercados BH, do empresário Pedro Lourenço, que é conselheiro e principal patrocinador da Raposa.

“A TED dos funcionários foi feita junto com a TED do Zorya. A dívida na Fifa já está paga. O Cruzeiro não vai ter mais problema com perda de pontos. Vocês podem ter certeza, como o nosso parceiro querido, Pedro Lourenço, já tinha falado nesta semana, que isso não aconteceria no Cruzeiro. E não vai mesmo. A gente está fazendo um planejamento e batalhando incansavelmente para isso não ocorra. Trabalhamos no fim de semana, na segunda-feira até tarde, na terça nos reunimos com o Bruninho, filho do Pedro (Lourenço), a quem eu agradeço muito”, disse Sérgio Rodrigues.

“Apresentamos um projeto de construção Cruzeiro e Supermercados BH. Falei com o Pedro: ‘Pedro não quero te pedir dinheiro, não quero que você empreste dinheiro para o Cruzeiro mais, não quero que você compre jogador que não precisa para colocar dinheiro no Cruzeiro. Eu quero que o Cruzeiro seja o seu parceiro, que a torcida te abrace e dê retorno como faz. O Pedro foi trending topics (no Twitter) na terça-feira depois da entrevista que ele deu (na Itatiaia) e ele merece. Eu e os outros 8 milhões, 999 mil, 999 cruzeirenses somos muito gratos a você, ao Bruninho e à sua família. O dinheiro que vem para pagar isso (dívida na Fifa e salários de jogadores e funcionários) vem de uma parceria, não é uma doação”, completou.

O Cruzeiro foi beneficiado pela queda na cotação do Euro nos últimos 15 dias e viu a dívida ser reduzida. O valor que chegou a ser de R$ 11,1 milhões em 12 de maio, caiu para R$ 10,4 milhões nesta quinta-feira.

O caso estava na Fifa e o Cruzeiro tinha até esta sexta-feira (29) para quitar o débito. Se não pagasse, o clube celeste seria punido novamente com a perda de seis pontos na Série B do Campeonato Brasileiro.

No último dia 19, a Raposa foi condenada pela Fifa por não pagar o Al-Wahda, dos Emirados Árabes Unidos, pelo empréstimo do volante Denílson, em 2016. O clube tinha até o dia 18 de maio para efetuar o pagamento de cerca de R$ 5 milhões. Como não depositou o dinheiro, a entidade máxima do futebol puniu o Cruzeiro com a perda de seis pontos na Série B.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    "A família me procurou no início do mês, estava preocupada por ele estar sem advogado", explicou o advogado #itatiaia

    Acessar Link